Close
Close
Informações do Usuário

Você não está logado.

Discovery Channel
Apache Tomcat/6.0.14 - Error report

HTTP Status 404 - /vote/vote_question.jsp


type Status report

message /vote/vote_question.jsp

description The requested resource (/vote/vote_question.jsp) is not available.


Apache Tomcat/6.0.14

[an error occurred while processing this directive] Apache Tomcat/6.0.14 - Error report

HTTP Status 404 - /vote/query_vote.jsp


type Status report

message /vote/query_vote.jsp

description The requested resource (/vote/query_vote.jsp) is not available.


Apache Tomcat/6.0.14

[an error occurred while processing this directive]
300 anos de expansão e exploração marítima mundial.
mais
Navios - Página Principal
Section 1
Section 1.1
Section 1.2
Section 1.3
Section 1.4
Section 1.5
Section 1.6
Section 1.7
Section 1.8
Section 1.9
Section 1.10
Section 1.11
Section 1.12
Section 1.13
Section 1.14
Section 1.15
Introdução
Section 2.1
Section 2.2
Section 2.3
Section 2.4
Section 2.5
Section 2.6
Section 2.7
Section 2.8
Section 2.9
Section 2.10
Section 2.11
Section 2.12
Section 2.13
Section 2.14
Section 2.15
Navios antigos
Navio fantasma de Sutton Hoo
Navios gregos antigos
Barcos a vela chineses
Section 3.4
Section 3.5
Section 3.6
Section 3.7
Section 3.8
Section 3.9
Section 3.10
Section 3.11
Section 3.12
Section 3.13
Section 3.14
Section 3.15
A Era de Ouro da Navegação
A China do Século XV
Era de Ouro Européia
Section 4.3
Section 4.4
Section 4.5
Section 4.6
Section 4.7
Section 4.8
Section 4.9
Section 4.10
Section 4.11
Section 4.12
Section 4.13
Section 4.14
Section 4.15
Marinha Mercante
Marinha Mercante
Section 5.2
Section 5.3
Section 5.4
Section 5.5
Section 5.6
Section 5.7
Section 5.8
Section 5.9
Section 5.10
Section 5.11
Section 5.12
Section 5.13
Section 5.14
Section 5.15
Iates e Cruzeiros
Barcos motorizados
Veleiros
Navios de cruzeiro
Section 6.4
Section 6.5
Section 6.6
Section 6.7
Section 6.8
Section 6.9
Section 6.10
Section 6.11
Section 6.12
Section 6.13
Section 6.14
Section 6.15
Atividades Criminais
Pirataria
Contrabando
Section 7.3
Section 7.4
Section 7.5
Section 7.6
Section 7.7
Section 7.8
Section 7.9
Section 7.10
Section 7.11
Section 7.12
Section 7.13
Section 7.14
Section 7.15
Navios em detalhes
Santa Maria
Mary Rose
Mayflower
Britannia
La Normandie
Imperatriz do Japão
Kungsholm
Coroa da Escandinávia
OOCL Shenzhen
Axel Maersk
Section 8.11
Section 8.12
Section 8.13
Section 8.14
Section 8.15
Corridas
Corrida de Sidney a Hobart
Transpacific Race
Copa América
Section 9.4
Section 9.5
Section 9.6
Section 9.7
Section 9.8
Section 9.9
Section 9.10
Section 9.11
Section 9.12
Section 9.13
Section 9.14
Section 9.15
Pioneiros
Zheng He
Vasco da Gama
Cristóvão Colombo
John Harrison
Ellen MacArthur
Section 10.6
Section 10.7
Section 10.8
Section 10.9
Section 10.10
Section 10.11
Section 10.12
Section 10.13
Section 10.14
Section 10.15
Emergências e Desastres
O desastre da balsa Zeebrugge
O M/S Estônia
O derramamento do Exxon Valdez
Salva-vidas no mar
Section 11.5
Section 11.6
Section 11.7
Section 11.8
Section 11.9
Section 11.10
Section 11.11
Section 11.12
Section 11.13
Section 11.14
Section 11.15
Freedom of the Seas: O Meganavio
Galeria de Imagens
Section 12.2
Section 12.3
Section 12.4
Section 12.5
Section 12.6
Section 12.7
Section 12.8
Section 12.9
Section 12.10
Section 12.11
Section 12.12
Section 12.13
Section 12.14
Section 12.15
Descubra os mistérios do Titanic
Section 13.1
Section 13.2
Section 13.3
Section 13.4
Section 13.5
Section 13.6
Section 13.7
Section 13.8
Section 13.9
Section 13.10
Section 13.11
Section 13.12
Section 13.13
Section 13.14
Section 13.15
Section 14
Section 14.1
Section 14.2
Section 14.3
Section 14.4
Section 14.5
Section 14.6
Section 14.7
Section 14.8
Section 14.9
Section 14.10
Section 14.11
Section 14.12
Section 14.13
Section 14.14
Section 14.15
Section 15
Section 15.1
Section 15.2
Section 15.3
Section 15.4
Section 15.5
Section 15.6
Section 15.7
Section 15.8
Section 15.9
Section 15.10
Section 15.11
Section 15.12
Section 15.13
Section 15.14
Section 15.15
Navios antigos
Navios gregos antigos

Os gregos têm navegado por 10 mil anos, e possuem uma das mais fortes tradições de navegação do mundo.

Achados arqueológicos – combinados com cerâmica, peças de arte e poemas daquele período – levaram os especialistas a acreditar que os gregos antigos usavam navios a remo com grandes tripulações, assim como barcos à vela com desenhos diferenciados.

Um afresco descoberto na ilha grega de Santorini, na escavação da cidade de Antiga Akrotiri, descreve a variedade de navios usados pela civilização Minoana há 3.500 anos. Entre eles, estão navios mercantes e de trabalho, e barcos ricamente decorados, que carregavam um pequeno número de passageiros importantes.

Uma das mais importantes descobertas navais da Grécia antiga aconteceu na costa norte da ilha de Chipre, nos anos 60. Os destroços de um naufrágio em Kyrenia – uma cidade portuária ao norte de Chipre – foram explorados por uma equipe de especialistas em 1967, e os trabalhos de recuperação começaram em 1968.

Os destroços deste naufrágio constituem o achado marítimo mais bem preservado do gênero no mundo. Foram recuperadas 6.000 peças, que ficaram protegidas por lama e areia no fundo do oceano.

A carga do navio continha 40 ânforas – potes para transporte - que também foram recuperadas, e algumas delas ainda continham sementes de figo e amêndoas. Os especialistas acreditam que a carga do navio era proveniente de diferentes portos da região, incluindo Rhodes e Samos.

Acredita-se que o navio achado em Kyrenia abrigava uma tripulação de quatro pessoas.

Pontas de lanças, redes e outras ferramentas foram recuperadas na escavação. Calcula-se que o barco tinha 14,75 metros de comprimento por 3,4 metros de largura máxima, e um calado de aproximadamente 1,4 metros.

Os vestígios do barco e suas ânforas estão em exibição no castelo do porto de Kyrenia, em Chipre.

Fotos: Associated Press